23.6.05

Infância
Guilherme de Almeida

Um gosto de amora
comida com sol. A vida
chamava-se "Agora".

Nenhum comentário: