28.1.13

"Porque a cabeça da gente é uma só, e as coisas que há e que estão para haver são demais de muitas, muito maiores diferentes, e a gente tem de necessitar de aumentar a cabeça, para o total". Tem Lacan pra estudar, mas G. Rosa não tá deixando.
"[...] Tio Terêz o levara à beira da mata, ia tirar taquaras. [...] 
- Miguilim, este feixinho está muito pesado para você?. 
- Tio Terêz, está não. Se a gente puder ir devagarinho como precisa, e ninguém não gritar com a gente para ir depressa demais, então eu acho que nunca que é pesado".
Guimarães Rosa, "Manuelzão e Miguilim".
"Se o mundo não acabar agora, acaba quando ela começar a ter TPM. Imagina essa mulher com TPM, véi". Menino sábio de 10 anos sobre a irmã temperamental de 6.
"Aguento mas não garanto". 
Leminski, na variação do lacaniano "eu aguardo. Mas não espero nada".
Laerte, claro.

"Se farinha fosse americana, mandioca importada, banquete de bacana era farinhada". Reflexões de uma viajante BH-Miami.
Lo que me gusta de tu cuerpo es el sexo.
Lo que me gusta de tu sexo es la boca.
Lo que me gusta de tu boca es la lengua. 
Lo que me gusta de tu lengua es la palabra. (Julio Cortázar)
"Meu cachorro me sorriu latindo". 
É genial isso, Roberto.
“A ideia de Lacan era a de que nos tornamos psicanalistas porque não podemos agir de outra forma, [...] fizemos a ronda dos outros discursos e [...] nos relançamos no discurso do analista porque não temos como agir de outra forma”. (MILLER, 2011).
A gente termina e volta, eu penso em desistir, não entendo por que entrei nessa... e volto a me apaixonar perdidamente. Minha tese e eu, um caso de amor complicado - e, pelo andar da carruagem, infinito.
Pra Miami usando milhas: Galeão-Guarulhos-Campinas-Belém-Bogotá-Cidade do México e de lá a balsa direto pra Miami. Sorte que a Itapemirim faz parte da Star Alliance, porque os vôos estão bem lotados.
(E eu só morri de rir porque eu não tenho vergonha na cara).