24.1.08

(do Milen, no Essência Intermitente)


Heath Ledger aparece morto e os jornais só me falam do corte de juros do Banco Central americano.
Esses jornalecos decidiram que o mundo é feio, bobo e chato; e o mundo caiu na conversa deles.
Aliás, Heath: quero crer que isso aí tenha sido um mítico desprendimento suicida. Quero crer que você mijou em cinco altares, que descartou Sucesso, Beleza, Dinheiro, Realização Profissional e Sonho Americano com a autoridade de quem foi beijado e lambido por todos esses deuses…
Quero vislumbrar um gigantesco tapa de luva na cara do Ocidente, em vez de um banal erro de cálculo numa noite de terça.

2 comentários:

mario disse...

olha... o jasmineiro está florido... e o riachinho de água esperta se lança em vasto rio de águas calmas... ah... você é de ninguém...

mario disse...

http://pnmp-ice.blogspot.com/

vai no cara, ele é bom.