8.7.09

Pro Fer. Porque eu te amo. E porque ver você chegando no fim do dia é estar em casa (havia me esquecido do quanto isso é verdade).

Reverência

Flora Figueiredo

Se não fosse você, eu andaria
a caminho do nada,
pra lugar nenhum.

Eu erraria por entre vagas abertas,
sobre páginas incertas
de um pobre verso comum.

Se não fosse você, eu perderia
a noção do sol e do vento,
de todo e qualquer elemento
que me induzisse à beleza.

Se não fosse você, eu ficaria presa
na trama dos desafetos,
dos amores incompletos
que o mundo encaixa nos cantos.

Se não fosse você, triste seria
e a memória por certo contaria
minha historia na pobreza de um clichê.
.....e eu certamente me demitiria
dos ternos devaneios da poesia.
Que seria de mim, se não fosse você?

2 comentários:

Anônimo disse...

Inveja disso.
E saudades de você!
Nic.

Fernando disse...

Tinha muito tempo que chegar em casa não era tão bom quanto agora, com você e o Tom me esperando pra ganhar beijo e carinho, respectivamente.

Te AMO!