7.9.09

Para o 6 de setembro

O culpado por eu ser tão mal-acostumada, por eu acreditar demais nas pessoas, pelas minhas gargalhadas mais altas, por ter me tornado mais mansa, por eu ter tido vontade de ter um cachorro, por eu ter achado dentro de mim a vontade de ser mãe, por eu ter tomado gosto por ser uma mulher.
Eu te amo mais do que tudo*. E esse é o meu "feliz aniversário de 30 anos, Fer!".

* depois que eu resolvi arrumar sua coleção de MP3, isso é incontestável, claro.

2 comentários:

Fernando disse...

E pode parecer mentira, mas você cuidar dos meus MP3 com tanto carinho me faz ter certeza de que esse post é de verdade... Não que eu precisasse, claro.
Te amo, Dri.

Anônimo disse...

Querida Dri,
Fico muito feliz ao ler o que escreveu para o Fer.
È tudo que a mãe precisa para ser feliz!Sentir que seu filho é amado e tem ao seu lado alguem tão especial.
Obrigada por ser assim e sentir o amor como sente!
Suzana